Diário de Viagem - Cracóvia, Polônia - Parte 2

quarta-feira, 19 de outubro de 2016


Na segunda parte do diário de viagem em Cracóvia, vou levar vocês ao Santuário da Divina Misericórdia e ao Santuário João Paulo II. Ah, também vão aprender um pouco sobre a Irmã Faustina. Let's go!
Fomos nesses lugares duas vezes, a primeira logo que chegamos em Cracóvia e voltamos praticamente no nosso último dia de viagem por lá, já que a primeira visita foi bem tumultuada, pois tinham gente demais naquele lugar!



Este é o convento da Santa Irmã Faustina. Aqui vai um breve resumo sobre ela: Maria Kowalska nasceu em 25 de agosto de 1905 na Polônia, entrou para a vida religiosa e sempre seguiu uma vida de castidade, pobreza e obediência. Escreveu um diário contando suas experiências com Jesus e este diário traduzido para múltiplas línguas, até hoje desperta interesse e é conhecido por pessoas do mundo todo. Foi ela quem pintou o quadro de Jesus Misericordioso, pois foi assim que ele apareceu para ela. Irmã Faustina morreu em 5 de outubro de 1938 e foi beatificada em 18 de abril de 1993.


Este dia estava tãããão calor que quase passei mal, mas valeu a pena.


Esta é a Capela onde se não me engano fica a primeira cópia do quadro de Jesus Misericordioso. Não tivemos oportunidade de ver o quadro original.




Este banner era gigante, milhares e milhares de pessoas enviaram suas fotos e assim se transformou em um mosaico de fiéis que se transformou em Jesus <3


Basílica da Divina Misericórdia que foi construída entre 1999 e 2002 e consagrada pelo Santo Papa João Paulo II. Ele vinha muito para este lugar enquanto operário na fábrica Solvay entre 1941 e 1944. O Santuário possui dois níveis: basílica superior e inferior. Se assemelha muito com uma arca, uma arca da aliança contemporânea, da qual encontram a salvação todos que confiam na Divina Misericórdia. 
No terremo do santuário situam-se a torre de observação mais alta de Cracóvia, com 76 metros, a Capela de Adoração Perpétua do Santíssimo Sacramento e o cemitério do convento, onde a Irmã Faustina foi inicialmente enterrada.


Neste Santuário o Santo Papa João Paulo II peregrinou por duas vezes, em 1997 e em 2002.


A vista do mirante ou melhor, a torre de observação mais alta de Cracóvia, com 76 metros.







Este é o complexo conventual. Foi criado no final do século XIX com os fundos do duque Aleksander Lubomirski, financeiro e filántropo, segundo o projeto do arquieteto Karol Zaremba. Sob a direção das freiras, funcionaram oficinas de bordado e tecelagem, oficina de encadernação, lavanderia, jardim e um moinho. Durante a 1º Guera Mundial uma parte da propriedade foi ocupada por um hospital militar, onde os soldados de várias nacionalidades com doenças contagiosas eram tratados. 
Hoje em dia o local leva o nome de Centro Educativo de Juventude de Irmã Faustina. Tem caráter fechado e é um estabelecimento de ressocialização para meninas, conta com cursos de gastronomia e cabeleireiro. 
Já na parte do convento funciona o noviciado onde as freiras ficam por dois anos e se preparam para a vida religiosa.



E sim, eu estava com uma camiseta da banda Bad Religion. Eu adoro a contradição e na minha visão uma coisa não tem nada a ver com a outra. 
E não, ninguém me xingou ou me olhou torto por isso :)


O Santuário João Paulo II foi criado com o objetivo de eternizar o grande pontificado de são João Paulo II e passar o seu exemplo e suas palavras ás gerações futuras. O santuário está localizado numa colina chamada Biale Morza (Mares Brancos). É o lugar da pedreira da companhia química Solvay, onde Karol Wojtyla trabalhou durante os anos de ocupação nazista, entre 1940 e 1944. O santuário foi inaugurado em 11 de junho de 2011, dois meses após a beatificação do Papa polonês.
Como vocês leram esse santuário fica numa colina, agora imaginem a gente subindo essa colina com todas as nossas bagagens! Sim, tivemos que fazer isso e foi foda :x
De qualquer maneira, nem acredito que eu tive a oportunidade de estar neste lugar! <3







Os interiores da igreja são decorados com mosaicos de figuras evangélicas feitas pelo Padre Marco Rupnik. E sério, é lindíssimo!


A relíquia mais preciosa, a batina usada pelo Santo Padre durante a tentativa de assassinato em 1981, está exposta com manchas de sangue na capela lateral. A batina foi oferecida pelo Cardeal Stanislaw Dziwisz, secretário pessoal de João Paulo no 34º aniversário do atentado. 
É realmente emocionante e chocante ver essa batina assim de pertinho.





Eu amo essa foto ♥


O complexo além da igreja conta com museu, biblioteca, capela com oratório, centro de exercícios espirituais, centro de formação de voluntários, espaços verdes para passeio, reflexão e oração entre outras atividades.


Ambos lugares são fantásticos! Espero que tenham gostado de saber um pouco mais sobre a história destes lugares e espero que mesmo de longe, mas com meus posts vocês sintam-se como se estivessem lá. Beijos! <3

26 comentários:

Graziela Vieira [Responder comentário]

Valérinha! Olha eu aqui, que legal você misturar a história da região com as fotos desse lugar incrível, adorei saber mais da Irmã Fautistina, achei a capela linda demais, encantadora. Esse lugar deve ser bastante religioso, deve ter uma paz incrível!
Amando os seus diários. Continue please!
Beijo e se cuida.

http://www.meudiariovirtual.com/

Thami Sgalbiero [Responder comentário]

Nossa, dá pra perceber que nesse dia estava calor lá, porque o céu estava praticamente limpo, tinham só aquelas nuvens rasgadas né? Bonita a estrutura da Basílica da Divina Misericórdia, bem moderna né? Que lindas essas estruturas! Eu ia comentar sobre sua blusa agora, hahaha! Imagina se alguém perguntasse algo? Iria ser no mínimo engraçado explicar que é uma banda e tal. Subiram uma colina com mochilas e etc? Socorro! Poderia ter um bondinho ou carrinho pra levar vocês até lá né? Hahahaha! É como fazem aqui pra subir no Cristo Redentor, hahaha! Eu acho muito lindos esses detalhes das igrejas, mas essa "Aperite Portas Christo" (que eu não sei traduzir) é linda!!! Bem clara e com mosaicos lindos! Adorei! Eita! Essa batina lá eu ficaria no mínimo sem reação, porque está praticamente do jeito que foi deixada né? D: Essa foto que você amou, eu também amei, tá linda! Olha, essa sua JMJ pra Polônia rendeu boas lembranças né? To adorando esses seus posts!

Beijos!
www.likeparadise.com.br

Oxi, Falei! [Responder comentário]

Fotos lindas!! Viagem rendeu hein??

Sua franjinha é linda! haha

Beijos da Nati
www.oxifalei.com.br
Snap: nath.thamires

Jointy&Croissanty [Responder comentário]

Wonderful pictures!

jointyicroissanty

Fernanda de Oliveira Brito [Responder comentário]

Gostei muito das fotografias e de saber um pouco a respeito.

Um beijo,

www.purestyle.com.br

Geovanna Andrade [Responder comentário]

Que bacana, além do lugar ser lindo, adorei você ter contado um pouco da história do lugar, deu um outro significado!
www.geoandrade.com.br

StyleByDeb [Responder comentário]

Wow you visited such gorgeous places in Cracovia! The churches are stunning, inside and out! It looks like a really lovely experience dear, and I thought it was funny that you wore that Bad Religion tshirt haha, I loved the humor behind that ;)
xx

www.stylebydeb.com

Yanna [Responder comentário]

Ai que lugares lindos!!!! Amei as fotos!! Dentro das capelas é muito lindo também!!!
Beijoos
Yanna Karim

Sté Maciel [Responder comentário]

Que viagem incrível! Os registros ficaram ótimos!

Beijão, mariasabetudo

Hellz. [Responder comentário]

OOOOOOI OI OI!

eu desde os posts anteriores tinha percebido a sua camisa e achado um arraso. Também concordo que uma coisa tem nada a ver com a outra.

Gente... olha as paisagens desse lugar e as igrejas, que coisa tão linda *-*

beijo
beinghellz.com

Carol [Responder comentário]

Incrível a arquitetura desse lugar! Amei as fotos.
Beijos
BlogCarolNM
FanPage

Julie Chagas [Responder comentário]

A vista da torre de observação é liiiinda, super adorei!

Tay Ribeiro [Responder comentário]

Estou apaixonada nas fotos da sua viagem, esse lugar parece ser daqueles bem 'espirituosos'
beijos
http://lolamantovani.blogspot.com.br/

Lorraine [Responder comentário]

Devem ter sido dias incríveis, em meio a tanta coisa nova, tanta história a ser absorvida. Chocante essa batina do atentado!!!

Thayse Stein [Responder comentário]

Quanta coisa legal que tu conheceu por lá! Cenários lindos e cheios de história. E sim, eu acho que aqui em geral eles não tendem a julgar as pessoas mesmo que pareça que estamos tentando causar, eles não ligam, as pessoas sentem mais liberdades pra serem quem são e usarem o que quiserem porque sabem que as pessoas não vão julgar.


Beijos
Brilho de Aluguel

Kaila Garcia [Responder comentário]

Essa viagem deve ter sido inesquecível. Amei suas fotos, você e sua mãe são duas lindas. Amei muuuito! ❤

www.kailagarcia.com

Nah Corrêa [Responder comentário]

Que lugar lindo, Val!
Acho que não deve ser tão quente igual o Hell de Janeiro, então eu não passaria mal. Adorei a camisa da Bad Religion.

Chiquereza

Carina Vardie [Responder comentário]

The pictures are so pretty, must have been a wonderful time.

xo
www.carinavardie.com

Juliana Ferreira [Responder comentário]

Arrasou no visual, adorando a viagem e conhecer e saber mais um pouco dessa cultura rica e essa viagem maravilhosa.

Beijos
https://pimentasdeacucar.blogspot.com.br

Danielle S. [Responder comentário]

Váh, gostei muito de conhecer um pouco mais da história do lugar e as histórias que temos dentro da igreja! Para alguém que estudou a vida inteira em colégio católico e é católica eu sou meio desnaturada :P
As fotos estão lindas!

Um beijo! ♥
www.daniquedisse.com.br

.lívia. [Responder comentário]

uau que legal conferir sua viagem e esses lugares super bacanas, eu tenho mt vontade de conhecer a polonia

www.tofucolorido.com.br
www.facebook.com/blogtofucolorido

Adriana Leandro [Responder comentário]

Mais um lugar muito bonito de se ver. Não dava pra deixar as bagagens no hotel? Porque levar coisas pesadas e ter que fazer caminhada é bem complicado. Interessante, eles terem guardado a batina do atentado. A sua blusa é linda. Bjus!

galerafashion.com

Marcela Miranda [Responder comentário]

Eu em lugares assim não sei o que faria, adorei demais esse Convento, que linda estrutura.
Beijinhos <3

http://lesjoursdemarcela.blogspot.com.br/

Taay Vargas [Responder comentário]

Que viagem mais linda e inesquecível. Adoraria conhecer, com certeza. Adorei as fotos. bjjuxx
Taay Vargas

Débora Christine [Responder comentário]

Muito massa a segunda parte da viagem. Nossa, esses lugares devem ser incríveis. *.* Gostei muito da vista da torre de observação e da batina ainda com sangue. Ah! Também curti demais a contradição por causa da camisa. (hehehe)
Beijinhos ♥

Contadora de Histórias

Blah Oestraich [Responder comentário]

Lugar encantador!
Estou adorando o seu diário..
Transmite uma energia tão boa <3

Um Bigbeijo
http://www.blahoestraich.com.br

Deixe seu comentário aqui

Hey I'm With The Band: Diário de Viagem - Cracóvia, Polônia - Parte 2